Tutorial: Excluir um cluster do Red Hat OpenShift 4 no Azure

Neste tutorial, parte três de três, um cluster do Red Hat OpenShift no Azure que executa o OpenShift 4 é excluído. Você aprenderá como:

  • Excluir um cluster do Red Hat OpenShift no Azure

Antes de começar

Nos tutoriais anteriores, um cluster do Red Hat OpenShift no Azure foi criado e conectado usando o console Web do OpenShift. Se você ainda não realizou essas etapas e gostaria de acompanhar, comece com o Tutorial 1 – Criar um cluster do Red Hat OpenShift no Azure 4.

Se você optar por instalar e usar a CLI localmente, este tutorial exigirá a execução da CLI do Azure versão 2.6.0 ou posterior. Execute az --version para encontrar a versão. Se você precisa instalar ou atualizar, consulte Instalar a CLI do Azure.

Entrar no Azure

Se você estiver executando a CLI do Azure localmente, execute az login para entrar no Azure.

az login

Caso tenha acesso a várias assinaturas, execute az account set -s {subscription ID} substituindo {subscription ID} pela assinatura que você deseja usar.

Excluir o cluster

Nos tutoriais anteriores, as variáveis a seguir foram definidas.

CLUSTER=yourclustername
RESOURCEGROUP=yourresourcegroup

Usando esses valores, exclua o cluster:

az aro delete --resource-group $RESOURCEGROUP --name $CLUSTER

Depois, você deverá confirmar se deseja excluir o cluster. Depois de confirmar com y, demorará alguns minutos para excluir o cluster. Quando o comando for concluído, todo o grupo de recursos e todos os recursos dentro dele, incluindo o cluster, serão excluídos.

Próximas etapas

Nesta parte do tutorial, você aprendeu a:

  • Excluir um cluster do Red Hat OpenShift 4 no Azure

Saiba mais sobre como usar o OpenShift com a documentação oficial do Red Hat OpenShift