Preparar servidores Hyper-V locais para recuperação de desastre no Azure

Este artigo descreve como preparar a infraestrutura de Hyper-V local quando você deseja configurar a recuperação de desastre para VMs Hyper-V no Azure, usando o Azure Site Recovery.

Este é o segundo tutorial em uma série que mostra como configurar a recuperação de desastre para o Azure para VMs Hyper-V locais. No primeiro tutorial, configuramos os componentes do Azure necessários para a recuperação de desastre do Hyper-V.

Neste tutorial, você aprenderá a:

  • Examinar os requisitos do Hyper-V e do VMM se os seus hosts Hyper-V forem gerenciados pelo System Center VMM.
  • Preparar o VMM, se aplicável.
  • Verificar o acesso à Internet para locais do Azure.
  • Preparar as VMs para que seja possível acessá-las após o failover para o Azure.

Observação

Os tutoriais mostram o caminho de implantação mais simples para um cenário. Eles usam opções padrão quando possível e não mostram todas as possíveis configurações e caminhos. Para obter instruções detalhadas, leia o artigo na seção Instruções do Sumário do Site Recovery.

Antes de começar

Verifique se você preparou o Azure conforme descrito no primeiro tutorial desta série.

Revisar requisitos e pré-requisitos

Certifique-se de que os hosts do Hyper-V e VMs estejam em conformidade com os requisitos.

  1. Verifique os requisitos do servidor local.
  2. Verifique os requisitos para VMs Hyper-V que você deseja replicar para o Azure.
  3. Verifique se arede do host Hyper-V; e o armazenamento do host e convidado dão suporte para hosts do Hyper-V local.
  4. Verifique o que há de suporte para rede do Azure, armazenamento e computação após o failover.
  5. Suas VMs locais replicadas no Azure devem atender aos requisitos de VM do Azure.

Preparar o VMM (opcional)

Se os hosts do Hyper-V forem gerenciados pelo VMM, você precisará preparar o servidor do VMM localmente.

  • Verifique se o servidor do VMM tem pelo menos uma nuvem, com um ou mais grupos de host. O host do Hyper-V no qual as VMs estão em execução deve estar localizado na nuvem.
  • Prepare o servidor do VMM para o mapeamento de rede.

Preparar VMM para mapeamento de rede

Se você estiver usando o VMM, o mapeamento de rede mapeará entre as redes de VM do VMM local e as redes virtuais do Azure. O mapeamento garante que as VMs do Azure serão conectadas à rede certa quando elas forem criadas após o failover.

Prepare o VMM para o mapeamento de rede da seguinte maneira:

  1. Verifique se você tem uma rede lógica do VMM associada à nuvem em que os hosts do Hyper-V estão localizados.
  2. Verifique se você tem uma rede de VM vinculada à rede lógica.
  3. No VMM, conecte as VMs à rede de VM.

Verifique o acesso à Internet

  1. Para fins do tutorial, a configuração mais simples é que os hosts Hyper-V e o servidor VMM tenham acesso direto à Internet sem usar um proxy.
  2. Verifique se os hosts do Hyper-V e o servidor do VMM, se relevante, podem acessar as URLs necessárias abaixo.
  3. Se você estiver controlando o acesso pelo endereço IP, certifique-se de que:
    • As regras de firewall baseadas em endereço IP podem conectar os Intervalos IP do Azure Datacenter e a porta HTTPS (443).
    • Permita intervalos de endereços IP para a região do Azure de sua assinatura.

URLs necessárias

Nome URL comercial URL governamental Descrição
Azure Active Directory login.microsoftonline.com login.microsoftonline.us Usadas pelo Azure Active Directory para o gerenciamento de identidade e controle de acesso.
Backup *.backup.windowsazure.com *.backup.windowsazure.us Usado para transferência de dados de replicação e coordenação.
Replicação *.hypervrecoverymanager.windowsazure.com *.hypervrecoverymanager.windowsazure.us Usado para operações de gerenciamento de replicação e coordenação.
Armazenamento *.blob.core.windows.net *.blob.core.usgovcloudapi.net Usado para acessar a conta de armazenamento que armazena os dados replicados.
Telemetria (opcional) dc.services.visualstudio.com dc.services.visualstudio.com Usado para telemetria.
Sincronização da hora time.windows.com time.nist.gov Usado para verificar a sincronização de data/hora entre o tempo do sistema e o tempo global, em todas as implantações.

Preparar para conectar VMs do Azure após o failover

Durante um cenário de failover, você poderá se conectar à sua rede local replicada.

Para se conectar a VMs do Windows usando o RDP após o failover, permita o acesso da seguinte maneira:

  1. Para acessar a Internet, habilite o RDP na VM local antes do failover. Verifique se as regras de TCP e de UDP foram adicionadas no perfil Público e se o RDP é permitido no Firewall do Windows > Aplicativos permitidos para todos os perfis.
  2. Para acessar por meio da VPN site a site, habilite o RDP no computador local. O RDP deve ser permitido no Firewall do Windows -> Aplicativos e recursos permitidos para redes de Domínio e Privadas. Verifique se a política de SAN do sistema operacional está definida como OnlineAll. Saiba mais. Não deve haver nenhuma atualização pendente do Windows na VM quando você dispara um failover. Se houver, não será possível entrar na máquina virtual até que a atualização seja concluída.
  3. Na VM do Microsoft Azure após o failover, verifique o Diagnóstico de inicialização para exibir uma captura de tela da VM. Se você não puder se conectar, verifique se a VM está em execução e examine estas dicas de solução de problemas.

Após o failover, você pode acessar as VMs do Azure usando o mesmo endereço IP da VM replicada no local ou um endereço IP diferente. Saiba mais sobre como configurar o endereçamento IP para failover.

Próximas etapas