Monitorar a carga de trabalho – Portal do Azure

Este artigo descreve como usar o portal do Azure para monitorar a carga de trabalho. Isso inclui a configuração de Logs do Azure Monitor para investigar a execução de consultas e tendências de carga de trabalho usando a análise de logs do SQL do Synapse.

Pré-requisitos

  • Assinatura do Azure: Se você não tiver uma assinatura do Azure, crie uma conta gratuita antes de começar.
  • Pool de SQL: coletaremos logs para um pool de SQL. Se você não tiver um pool de SQL provisionado, veja as instruções em Criar um pool de SQL.

Criar um workspace do Log Analytics

Navegue até a folha de navegação dos workspaces do Log Analytics e crie um espaço de trabalho

Workspaces do Log Analytics

Captura de tela que mostra os workspaces do Log Analytics, onde você pode selecionar Adicionar.

Captura de tela mostra o workspace do Log Analytics, onde você pode inserir valores.

Para obter mais detalhes sobre os espaços de trabalho, veja a documentação a seguir.

Ativar os logs de recursos

Defina as configurações de diagnóstico para emitir logs do pool de SQL. Os logs consistem em exibições de telemetria equivalentes aos DMVs de solução de problemas de desempenho mais comumente usados. No momento, há suporte para as seguintes exibições:

Habilitar os logs de recursos

Os logs podem ser emitidos para o Armazenamento do Microsoft Azure, o Stream Analytics ou o Log Analytics. Para este tutorial, selecione o Log Analytics.

Especificar os logs

Executar as consultas no Log Analytics

Navegue até o workspace do Log Analytics onde você pode fazer o seguinte:

  • Analisar logs usando consultas de log e salvar consultas para reutilização
  • Salvar consultas para reutilização
  • Criar alertas de log
  • Fixar resultados de pesquisa em um painel

Para obter detalhes sobre os recursos de consultas de log, veja a documentação a seguir.

Editor do workspace do Log Analytics

Consultas do workspace do Log Analytics

Consultas de log de amostra

//List all queries
AzureDiagnostics
| where Category contains "ExecRequests"
| project TimeGenerated, StartTime_t, EndTime_t, Status_s, Command_s, ResourceClass_s, duration=datetime_diff('millisecond',EndTime_t, StartTime_t)
//Chart the most active resource classes
AzureDiagnostics
| where Category contains "ExecRequests"
| where Status_s == "Completed"
| summarize totalQueries = dcount(RequestId_s) by ResourceClass_s
| render barchart
//Count of all queued queries
AzureDiagnostics
| where Category contains "waits"
| where Type_s == "UserConcurrencyResourceType"
| summarize totalQueuedQueries = dcount(RequestId_s)

Próximas etapas

Agora que você configurou os logs de monitoramento do Azure, personalize os painéis do Azure para compartilhar com sua equipe.