Ferramentas da comunidade para migrar recursos de IaaS do clássico para o Azure Resource Manager

Aplicável a: VMs do Linux ✔️ e VMs do Windows ✔️

Importante

Hoje, cerca de 90% das VMs de IaaS usam o Azure Resource Manager. Desde 28 de fevereiro de 2020, as VMs clássicas foram preteridas e serão totalmente desativadas em 1º de março de 2023. Saiba mais sobre essa substituição e como ela afeta você.

Este artigo cataloga as ferramentas que foram fornecidas pela comunidade para auxiliar com a migração dos recursos de IaaS do modelo de implantação clássico para o modelo de implantação do Azure Resource Manager.

Observação

Não há suporte oficial para essas ferramentas no Suporte da Microsoft. Portanto, são software livre no GitHub e aceitamos PRs para correções ou cenários adicionais. Para relatar um problema, use o recurso de problemas do GitHub.

A migração com essas ferramentas causará tempo de inatividade de sua Máquina Virtual clássica. Se você estiver buscando uma migração da plataforma com suporte, visite

AsmMetadataParser

Trata-se de uma coleção de ferramentas auxiliares criadas como parte de migrações empresariais do Gerenciamento de Serviços do Azure para o Azure Resource Manager. Essa ferramenta permite replicar sua infraestrutura para outra assinatura, o que pode ser usado para testar a migração e solucionar problemas antes de executar a migração em sua assinatura de produção.

Link para a documentação da ferramenta

migAz

migAz é uma opção adicional para migrar um conjunto completo de recursos de IaaS clássicos para recursos de IaaS do Azure Resource Manager. A migração pode ocorrer na mesma assinatura ou entre assinaturas e tipos de assinatura diferentes (por ex.: assinaturas do CSP).

Link para a documentação da ferramenta

Próximas etapas