Perguntas frequentes sobre as Máquinas Virtuais do Windows

Este artigo trata de algumas das perguntas mais comuns sobre as máquinas virtuais do Windows criadas no Azure com o modelo de implantação do Gerenciador de Recursos. Para a versão deste tópico relativa ao Linux, consulte Perguntas frequentes sobre as máquinas virtuais Linux.

O que eu posso executar em uma VM do Azure?

Todos os assinantes podem executar software para servidores em uma máquina virtual do Azure. Para saber mais sobre a política de suporte ao executar softwares de servidor Microsoft no Azure, consulte Suporte a softwares de servidor Microsoft para máquinas virtuais do Azure.

Algumas versões do Windows 7, Windows 8.1 e Windows 10 estão disponíveis para assinantes dos benefícios do Azure no MSDN e para assinantes do modelo “pré-pago” de Desenvolvimento e Teste no MSDN, para tarefas de desenvolvimento e teste. Para obter detalhes, incluindo instruções e limitações, veja Imagens do Windows Client para assinantes do MSDN.

Quanto armazenamento eu posso usar com uma máquina virtual?

Cada disco de dados pode ter até 32.767 GiB. O número de discos de dados que você pode usar depende do tamanho da máquina virtual. Para obter detalhes, consulte Tamanhos das máquinas virtuais.

Os Azure Managed Disks são as ofertas de armazenamento em disco recomendadas para uso com Máquinas Virtuais do Azure para armazenamento persistente de dados. Em cada Máquina Virtual, é possível usar vários Managed Disks. Os Managed Disks oferecem dois tipos de opções de armazenamento durável: Managed Disks Premium e Standard. Para obter informações sobre preço, consulte Preços do Managed Disks.

As contas de armazenamento do Azure também podem fornecer o armazenamento para o disco do sistema operacional e quaisquer discos de dados. Cada disco é um arquivo .vhd armazenado como um blob de páginas. Para obter detalhes sobre preços, veja Detalhes de preços de armazenamento.

Como posso acessar minha máquina virtual?

Estabeleça uma conexão remota usando o protocolo RDP (Conexão de Área de Trabalho Remota) para uma VM do Windows. Para ver instruções, confira Como se conectar e fazer logon em uma máquina virtual do Azure que executa o Windows. Há suporte para o máximo de duas conexões simultâneas, a menos que o servidor esteja configurado como um host de sessão dos Serviços de Área de Trabalho Remota.

Em caso de problemas com a Área de Trabalho Remota, consulte Solucionar problemas de conexões da Área de Trabalho Remota para uma máquina virtual Azure baseada no Windows.

Caso esteja familiarizado com o Hyper-V, você pode estar em busca de uma ferramenta semelhante ao VMConnect. O Azure não oferece uma ferramenta semelhante porque não há suporte para o acesso de console a uma máquina virtual.

Posso usar o disco temporário (a unidade d:, por padrão) para armazenar dados?

Não use o disco temporário para armazenar dados. Como ele é apenas um armazenamento temporário, você correria o risco de perder dados que não podem ser recuperados. Pode ocorrer perda de dados quando a máquina virtual é movida para um host diferente. O redimensionamento de uma máquina virtual, atualização do host ou uma falha de hardware no host são algumas das razões que podem levar à mudança de uma máquina virtual.

Se tiver um aplicativo que precise usar a letra da unidade D:, você poderá reatribuir as letras da unidade para que o disco temporário use algo diferente de D:. Para obter instruções, veja Alterar a letra da unidade do disco temporário do Windows.

Como eu posso alterar a letra da unidade do disco temporário?

Você pode alterar a letra da unidade movendo o arquivo de paginação e reatribuindo as letras da unidade, mas precisa se lembrar de seguir as etapas em uma ordem específica. Para obter instruções, veja Alterar a letra da unidade do disco temporário do Windows.

Posso adicionar uma VM existente a um conjunto de disponibilidade?

Não. Se você quiser que sua VM faça parte de um conjunto de disponibilidade, precisará criar a VM no conjunto. Atualmente, não há uma maneira de adicionar uma VM a um conjunto de disponibilidade após ela ter sido criada.

Posso carregar uma máquina virtual no Azure?

Sim. Para obter instruções, consulte Migrando VMs locais para o Azure.

Posso redimensionar o disco do sistema operacional?

Posso copiar ou clonar uma VM do Azure existente?

Sim. Usando imagens gerenciadas, você pode criar uma imagem de uma máquina virtual e, em seguida, usar a imagem para criar várias novas VMs. Para obter instruções, consulte Criar uma imagem personalizada de uma VM.

Por que não vejo as regiões Central e Leste do Canadá por meio do Azure Resource Manager?

As duas novas regiões, Central do Canadá e Leste do Canadá, não são registradas automaticamente para a criação de máquinas virtuais para as assinaturas existentes do Azure. Esse registro é feito automaticamente quando uma máquina virtual é implantada por meio do Portal do Azure para qualquer outra região usando o Azure Resource Manager. Depois que uma máquina virtual é implantada em qualquer outra região do Azure, as novas regiões devem estar disponíveis para máquinas virtuais subsequentes.

O Azure oferece suporte a VMs Linux?

Sim. Para criar rapidamente uma VM Linux para experimentá-la, veja Criar uma VM Linux no Azure usando o Portal.

Posso adicionar um NIC à minha VM depois que ela é criada?

Sim, agora isso é possível. Primeiro, a VM precisa ser parada e desalocada. Em seguida, é possível adicionar ou remover uma NIC (a menos que ela seja a última NIC na VM).

Há algum requisito de nome do computador?

Sim. O nome do computador pode ter, no máximo, 15 caracteres. Confira Regras e restrições de convenções de nomenclatura para obter mais informações sobre como nomear recursos.

Há algum requisito de nome de grupo de recursos?

Sim. O nome do grupo de recursos pode ter, no máximo, 90 caracteres. Confira Regras e restrições de convenções de nomenclatura para obter mais informações sobre grupos de recursos.

Quais são os requisitos de nome de usuário ao criar uma VM?

Nomes de usuário podem ter, no máximo, 20 caracteres e não podem terminar com um ponto (“.”).

Os seguintes nomes de usuário não são permitidos:

  • 1
  • 123
  • a
  • actuser
  • adm
  • admin
  • admin1
  • admin2
  • administrator
  • aspnet
  • backup
  • console
  • david
  • guest
  • john
  • owner
  • root
  • server
  • sql
  • support_388945a0
  • support
  • sys
  • test
  • test1
  • test2
  • test3
  • user
  • user1
  • user2

Quais são os requisitos de senha ao criar uma VM?

Há requisitos de comprimento de senha variados, dependendo da ferramenta que você está usando:

  • Portal – entre 12 e 72 caracteres
  • PowerShell - entre 8 e 123 caracteres
  • CLI – entre 12 e 123
  • Ter caracteres minúsculos
  • Ter caracteres maiúsculos
  • Ter um dígito
  • Ter um caractere especial (Correspondência de regex [\W_])

As seguintes senhas não são permitidas:

abc@123 iloveyou! P@$$w0rd P@ssw0rd P@ssword123
Pa$$word pass@word1 Password! Password1 Password22

Para obter informações adicionais e restrições para criação de senha, confira esta documentação de diretrizes de senha.