Propriedades personalizadas para dispositivos

Aplica-se ao: Configuration Manager (branch atual)

Muitos clientes têm outros dados externos ao Configuration Manager, mas úteis para direcionamento de implantação, criação de coleção e relatórios. Esses dados geralmente não são técnicos, não podem ser descobertos no cliente e vêm de uma única fonte externa. Por exemplo, um sistema itil (Biblioteca de Infraestrutura de TI) central ou banco de dados de ativos, que tem alguns dos seguintes atributos de dispositivo:

  • Local físico
  • Prioridade organizacional
  • Categoria
  • Centro de custo
  • Departamento

A partir da versão 2107, você pode usar o serviço de administração para definir esses dados em dispositivos. O site armazena o nome da propriedade e seu valor no banco de dados do site como a classe Device Custom Properties. Em seguida, você pode usar as propriedades personalizadas no Configuration Manager para relatórios ou para criar coleções.

A partir da versão 2111, você pode criar e editar essas propriedades personalizadas no console do Configuration Manager. Essa nova interface do usuário facilita a exibição e edição dessas propriedades.

Observação

Você pode usar caracteres unicode para valores de propriedade personalizados, mas não os nomes de propriedade. Para obter mais informações, consulte Unicode and ASCII support in Configuration Manager.

Pré-requisitos

A conta que faz as chamadas da API requer as seguintes permissões em uma coleção que contém o dispositivo de destino:

  • Para definir propriedades: Modificar Recurso
  • Para exibir propriedades: Ler Recurso
  • Para remover propriedades: Excluir Recurso

Definir propriedades por meio da interface do usuário

Aplica-se à versão 2111 ou posterior

  1. No console do Configuration Manager, vá para o espaço de trabalho Ativos e Conformidade e selecione o nó Dispositivos.

  2. Selecione um dispositivo e, na faixa de opções, selecione Propriedades

  3. Alternar para a guia Propriedades Personalizadas.

  4. Selecione o ícone de estrela dourada para criar uma nova propriedade personalizada. Forneça um nome para a propriedade e de definir um valor para este dispositivo. Selecione OK para salvar as propriedades.

Guia Propriedades Personalizadas em um dispositivo com vários valores.

Definir propriedades por meio da API

Aplica-se à versão 2107 ou posterior

Para definir propriedades em um dispositivo, use a API SetExtensionData. Faça uma chamada POST para o URI https://<SMSProviderFQDN>/AdminService/v1.0/Device(<DeviceResourceID>)/AdminService.SetExtensionData com um corpo JSON. A ID do recurso é um valor inteiro, por exemplo 16777345 .

Este exemplo JSON define dois pares de nome-valor para a marca de ativo e o local do dispositivo:

{
  "ExtensionData": {
    "AssetTag":"0580255",
    "Location":"Dublin"
  }
}

Propriedade de View

Use a API GetExtensionData para exibir suas propriedades personalizadas.

Para exibir propriedades em um único dispositivo, faça uma chamada GET para o URI https://<SMSProviderFQDN>/AdminService/v1.0/Device(<DeviceResourceID>)/AdminService.GetExtensionData .

Para exibir propriedades em todos os dispositivos, faça uma chamada GET para o URI https://<SMSProviderFQDN>/AdminService/v1.0/Device/AdminService.GetExtensionData . Essa chamada retorna valores de propriedade de dispositivos aos quais você tem permissão de leitura.

Remover propriedades

Para remover valores de propriedades de todos os dispositivos, use a API DeleteExtensionData sem uma ID de dispositivo. Inclua uma ID de recurso de dispositivo para remover apenas propriedades de um dispositivo específico. Faça uma chamada POST para o URI https://<SMSProviderFQDN>/AdminService/v1.0/Device/AdminService.DeleteExtensionData .

Criar um conjunto

Use as etapas a seguir para criar uma coleção com uma regra de consulta com base nas propriedades personalizadas:

  1. No console do Configuration Manager, Crie uma coleção.

  2. Na página Regras de Associação, na lista Adicionar Regra, selecione Regra de consulta.

  3. Na janela Propriedades de Regra de Consulta, especifique um Nome para a consulta. Em seguida, selecione Editar instrução De consulta.

  4. Na janela Propriedades da Instrução de Consulta, alternar para a guia Critérios. Em seguida, selecione o asterisco dourado ( * ) para adicionar novos critérios.

  5. Na janela Propriedades de Critério, Selecione os seguintes valores:

    • Classe attribute: Propriedades personalizadas do dispositivo
    • Atributo: PropertyName
  6. Selecione um Operador e especifique o nome da propriedade como Value.

    Neste ponto, a janela Propriedades de Critério deve ser semelhante à seguinte imagem:

    Janela Propriedades de Critério para Device Custom Properties PropertyName.

    Selecione OK para salvar o critério.

  7. Repita as etapas para adicionar um critério para o atributo PropertyValue.

    Neste ponto, a janela Propriedades da Instrução de Consulta da coleção deve ser semelhante à seguinte imagem:

    Janela Propriedades da Instrução de Consulta com ambos os critérios de Propriedades Personalizadas do Dispositivo.

  8. Selecione OK para fechar todas as janelas de propriedade. Em seguida, conclua o assistente para criar a coleção.

Instrução WQL de exemplo

Você também pode usar a seguinte consulta de exemplo. Na janela propriedades da instrução de consulta, selecione Mostrar Idioma de Consulta para colar a instrução de consulta.

select SMS_R_SYSTEM.ResourceID,SMS_R_SYSTEM.ResourceType,SMS_R_SYSTEM.Name,SMS_R_SYSTEM.SMSUniqueIdentifier,SMS_R_SYSTEM.ResourceDomainORWorkgroup,SMS_R_SYSTEM.Client 
from SMS_R_System inner join SMS_G_System_ExtensionData on SMS_G_System_ExtensionData.ResourceId = SMS_R_System.ResourceId 
where SMS_G_System_ExtensionData.PropertyName = "AssetTag" and SMS_G_System_ExtensionData.PropertyValue = "0580255"

Observação

Para usar as instruções WQL de propriedades personalizadas com atualizações de coleção incremental, use o Configuration Manager versão 2107 com o acúmulo de atualizações ou posterior.

Próximas etapas

Como usar o serviço de administração

Criar um conjunto

Como gerenciar clientes