AmlComputeProvisioningConfiguration Classe

Representa parâmetros de configuração para o provisionamento de destinos AmlCompute.

Use o provisioning_configuration método da AmlCompute classe para especificar parâmetros de configuração.

Herança
AmlComputeProvisioningConfiguration

Construtor

AmlComputeProvisioningConfiguration(vm_size='', vm_priority='dedicated', min_nodes=0, max_nodes=None, idle_seconds_before_scaledown=None, admin_username=None, admin_user_password=None, admin_user_ssh_key=None, vnet_resourcegroup_name=None, vnet_name=None, subnet_name=None, tags=None, description=None, remote_login_port_public_access='NotSpecified', identity_type=None, identity_id=None)

Parâmetros

vm_size
<xref:str>

O tamanho das VMs do agente. Mais detalhes podem ser encontrados aqui: https://aka.ms/azureml-vm-details . Observe que nem todos os tamanhos estão disponíveis em todas as regiões, conforme detalhado no link anterior. Se não for especificado, o padrão será Standard_NC6.

vm_priority
<xref:str>

A prioridade da VM, das VMs "dedicadas" ou "lowpriority". Se não for especificado, o padrão será "dedicado".

min_nodes
<xref:int>

O número mínimo de nós a serem usados no cluster. Se não for especificado, o padrão será 0.

max_nodes
<xref:int>

O número máximo de nós a serem usados no cluster. O padrão é 4.

idle_seconds_before_scaledown
<xref:int>

O tempo ocioso do nó em segundos antes de reduzir horizontalmente o cluster. Se não for especificado, o padrão será 120.

admin_username
<xref:str>

O nome da conta de usuário administrador que pode ser usada para SSH em nós.

admin_user_password
<xref:str>

A senha da conta de usuário administrador.

admin_user_ssh_key
<xref:str>

A chave pública SSH da conta de usuário administrador.

vnet_resourcegroup_name
<xref:str>

O nome do grupo de recursos em que a rede virtual está localizada.

vnet_name
<xref:str>

O nome da rede virtual.

subnet_name
<xref:str>

O nome da sub-rede dentro da VNet.

tags
<xref:dict>[<xref:str>, <xref:str>]

Um dicionário de marcas de valor de chave para fornecer ao objeto de computação.

description
<xref:str>

Uma descrição a ser fornecida ao objeto de computação.

remote_login_port_public_access
<xref:str>

O estado da porta SSH pública. Os valores possíveis são:

  • Disabled-indica que a porta SSH pública está fechada em todos os nós do cluster.

  • Habilitado-indica que a porta SSH pública está aberta em todos os nós do cluster.

  • Não especificado – indica que a porta SSH pública está fechada em todos os nós do cluster se a VNet estiver definida, caso contrário, abrirá todos os nós públicos. Ele pode ser esse valor padrão somente durante a hora de criação do cluster. Após a criação, ele será habilitado ou desabilitado.

identity_type
string

Os valores possíveis são:

  • SystemAssigned-identidade atribuída pelo sistema

  • Userassigned-identidade atribuída pelo usuário. Requer que a ID de identidade seja definida.

identity_id
list[<xref:str>]

Lista de IDs de recurso para a identidade atribuída ao usuário. ex. ['/subscriptions/ /ResourceGroups/ /Providers/Microsoft.ManagedIdentity/userAssignedIdentities/ ']

Métodos

validate_configuration

Verifique se os valores de configuração especificados são válidos.

Gera uma ComputeTargetException falha de validação If.

validate_configuration

Verifique se os valores de configuração especificados são válidos.

Gera uma ComputeTargetException falha de validação If.

validate_configuration()