Exportar documentos numa revisão definida para uma conta de Armazenamento do Azure

Ao exportar documentos de um conjunto de revisões num caso de Deteção de Dados Online (Premium), tem a opção de os exportar para uma conta de Armazenamento do Azure gerida pela sua organização. Se utilizar esta opção, os documentos são carregados para a sua localização de Armazenamento do Azure. Depois de exportados, pode aceder aos documentos (e transferi-los para um computador local ou outra localização) através da Explorador de Armazenamento do Azure. Este artigo fornece instruções sobre como exportar documentos para a sua conta de Armazenamento do Azure e como utilizar o Explorador de Armazenamento do Azure para ligar a uma localização de Armazenamento do Azure para transferir os documentos exportados. Para obter mais informações sobre Explorador de Armazenamento do Azure, consulte Utilizar Explorador de Armazenamento do Azure.

Antes de exportar documentos de um conjunto de revisões

  • Tem de fornecer um token de assinatura de acesso partilhado (SAS) para a sua conta de Armazenamento do Azure e o URL de um contentor específico na conta de armazenamento para exportar documentos de um conjunto de revisões. Certifique-se de que as tem à mão (por exemplo, copiadas para um ficheiro de texto) ao efetuar o Passo 2

    • Token SAS: certifique-se de que obtêm o token SAS para a sua conta de Armazenamento do Azure (e não para o contentor). Pode gerar um token SAS para a sua conta no Armazenamento do Azure. Para o fazer, aceda à conta de Armazenamento do Azure e selecione Partilhar assinatura de acesso nas Definições definições na folha de conta de armazenamento. Utilize as predefinições e permita todos os tipos de recursos quando gerar o token SAS.

    • URL do Contentor: tem de criar um contentor para carregar os documentos do conjunto de revisões e, em seguida, obter uma cópia do URL para o contentor; por exemplo, https://ediscoverydata.blob.core.windows.net/exportdata. Para obter o URL, vá para o contentor no Armazenamento do Azure e selecione Propriedades na secção Definições no contentor.

  • Transfira e instale a Explorador de Armazenamento do Azure. Para obter instruções, consulte Explorador de Armazenamento do Azure de utilização. Utilize esta ferramenta para se ligar ao contentor na sua conta de Armazenamento do Azure e transferir os documentos que exportou no Passo 1.

Passo 1: exportar os documentos a partir de um conjunto de revisões

O primeiro passo é criar uma tarefa de exportação para exportar documentos de um conjunto de revisões. Para obter instruções mais detalhadas sobre todas as opções de exportação, consulte Exportar documentos de um conjunto de revisão. O procedimento seguinte realça as definições para exportar documentos para a conta de Armazenamento do Azure da sua organização.

  1. No Portal de Conformidade do Microsoft Purview, abra o caso de Deteção de Dados Online (Premium), selecione o separador Rever conjuntos e, em seguida, selecione o conjunto de revisão que pretende exportar.

  2. No conjunto de revisão, clique em Exportação de Ações > .

  3. Na página de opções de exportação , escreva um nome (obrigatório) e uma descrição (opcional) para a exportação.

  4. Configure as definições nas secções documentos, metadados, conteúdos e opções. Para obter mais informações sobre estas definições, consulte Exportar documentos de um conjunto de revisão.

  5. Na secção Opções de saída , selecione a opção Estrutura de diretório condensada exportada para a sua conta de Armazenamento do Azure .

  6. Colar o URL do contentor e o token SAS da sua conta de armazenamento nos campos correspondentes.

    Colar o URL da ligação e o token SAS nos campos correspondentes.

  7. Clique em Exportar para criar a tarefa de exportação.

Passo 2: obtenha o URL SAS da tarefa de exportação

O passo seguinte é obter o URL SAS que é gerado após criar a tarefa de exportação no Passo 1. Pode utilizar o URL SAS para se ligar ao contentor na sua conta de Armazenamento do Azure para o onde exportou os documentos definidos pela revisão.

  1. Na página Deteção de Dados Online (Premium), vá para o caso e, em seguida, clique no separador Exportações .

  2. No separador Exportações , clique na tarefa de exportação que pretende transferir. Esta é a tarefa de exportação que criou no Passo 1.

  3. Na página de panfleto, em Localizações, copie o URL SAS que é apresentado. Se for necessário, pode guardá-lo num ficheiro de texto para poder aceder ao mesmo no Passo 3.

    Copie o URL SAS apresentado em Localizações.

    Dica

    O URL SAS que é apresentado na tarefa de exportação é uma concatenação do URL do contentor e do token SAS da sua conta de Armazenamento do Azure. Pode copiá-la da tarefa de exportação ou criá-la sozinho ao combinar o URL e o token SAS.

Passo 3: ligar ao contentor de Armazenamento do Azure

O último passo é utilizar o Explorador de Armazenamento do Azure e o URL SAS para se ligar ao contentor na sua conta de Armazenamento do Azure e transferir os documentos exportados para um computador local.

  1. Inic Explorador de Armazenamento do Azure o ficheiro que transferiu e instalou.

  2. Clique no ícone Abrir Caixa de Diálogo Ligar.

    Clique no ícone Adicionar conta.

  3. Na página Ligar ao Armazenamento do Azure , clique em Contentor de Blob.

  4. Na página Selecionar Método de Autenticação , selecione a opção Assinatura de acesso partilhado (SAS) e, em seguida, clique em Seguinte.

  5. Na página Introduzir Informações de Ligação, colar o URL SAS (que obteve na tarefa de exportação no Passo 2) na caixa URL do Contentor de Blob SAS .

    Colar o URL SAS na caixa URI.

    Repare que o nome do contentor é apresentado na caixa Nome a apresentar. Pode editar este nome.

  6. Clique em Seguinte para apresentar a página de resumo e , em seguida, clique em Ligar.

    O nó de contentores de Blob (em Contas de Armazenamento > (Contentores Anexados) > é aberto.

    Exportar tarefas no nó de contentores de Blobs.

    Contém um contentor com o nome a apresentar do passo 5. Este contentor contém uma pasta para cada tarefa de exportação que transferiu para o contentor na sua conta de Armazenamento do Azure. Estas pastas têm um nome com um ID que corresponde ao ID da tarefa de exportação. Pode encontrar estes IDs de exportação (e o nome da exportação) em Informações de suporte na página de lista de listas para cada tarefa Preparar dados para exportação listada no separador Tarefas no caso da Deteção de Dados Técnicos (Premium).

  7. Faça duplo clique na pasta de tarefas de exportação para a abrir.

    É apresentada uma lista de pastas e relatórios de exportação.

    A pasta de exportação contém ficheiros exportados e relatórios de exportação.

  8. Para exportar todos os conteúdos da tarefa de exportação, clique na Seta Para Cima para regressar à pasta de tarefas de exportação e, em seguida, clique em Transferir.

  9. Especifique a localização para onde pretende transferir os ficheiros exportados e, em seguida, clique em Selecionar pasta.

    A Explorador de Armazenamento do Azure inicia o processo de transferência. O estado da transferência dos itens exportados é apresentado no painel Atividades. Uma mensagem é apresentada quando a transferência é concluída.

Nota

Em vez de transferir toda a tarefa de exportação no Explorador de Armazenamento do Azure, pode selecionar itens específicos para transferir e ver.

Mais informações

  • A pasta de tarefas de exportação contém os seguintes itens. Os itens reais na pasta de exportação são determinados pelas opções de exportação configuradas quando a tarefa de exportação foi criada. Para obter mais informações sobre estas opções, consulte Exportar documentos a partir de um conjunto de revisão.

    • Export_load_file.csv: este ficheiro CSV é um relatório de exportação detalhado que contém informações sobre cada documento exportado. O ficheiro consiste numa coluna para cada propriedade de metadados de um documento. Para ver uma lista e descrição dos metadados incluídos neste relatório, consulte a coluna Nome do campo exportado na tabela em Campos de metadados do documento na Deteção de Dados Técnicos (Premium).

    • Summary.txt: um ficheiro de texto que contém um resumo da exportação, incluindo estatísticas de exportação.

    • Extracted_text_files: esta pasta contém uma versão de ficheiro de texto de cada documento exportado.

    • NativeFiles: esta pasta contém uma versão de ficheiro nativa de cada documento exportado.

    • Error_files: esta pasta inclui os seguintes itens quando a tarefa de exportação contém quaisquer ficheiros de erro:

      • ExtractionError.csv: este ficheiro CSV contém os metadados disponíveis para ficheiros que não foram extraídos corretamente do item principal.

      • ProcessarErro: esta pasta contém documentos com erros de processamento. Este conteúdo está a um nível de item, o que significa que, se um anexo teve um erro de processamento, o documento que contém o anexo também será incluído nesta pasta.